Modelo de Declaração de Residência

Declaração utilizada para comprovar o endereço de residência de uma pessoa, elaborada em conformidade com a legislação.

Atualizado em 03 de junho de 2022.

A declaração de residência é o documento por meio do qual uma pessoa indica formalmente o endereço em que estabelece seu domicílio, sendo este o local onde exerce direitos e cumpre obrigações da vida civil.

Ela costuma ser utilizada para realização de cadastros e protocolos, especialmente em casos onde a pessoa não possui outro documento hábil para comprovar a residência, como uma fatura de consumo de água, energia ou telefone em seu nome, por exemplo.

A empresa, órgão ou instituição solicitante pode ainda aceitar outros documentos comprobatórios, como um contrato de locação. Mas nem sempre isso ocorre, pois apesar de tal instrumento demonstrar a posse do imóvel, ela pode não se traduzir em efetivo local de residência.

Mas por que a comprovação do endereço de residência costuma ser exigido? Essa exigência se dá para reduzir tentativas de fraude e assegurar um meio de localizar e se corresponder com o interessado caso seja necessário.

Além disso, caso a pessoa esteja se cadastrando em algum tipo de programa social com abrangência ou divisão regional, será importante provar que o interessado reside naquela área de cobertura.

Voltando ao foco deste artigo, na ausência de outro comprovante de endereço, a pessoa poderá se valer de uma declaração de residência elaborada e assinada por ela, isso porque a Lei nº 7.115/1983 fornece respaldo legal para isso.

De acordo com o artigo 1ª da referida norma, a declaração destinada a fazer prova de residência, quando firmada pelo próprio interessado ou por procurador bastante, e sob as penas da Lei, presume-se verdadeira.

O artigo 3º exige que a declaração mencione expressamente a responsabilidade do declarante.

E que responsabilidade é essa? O artigo segundo estabelece que, se comprovadamente falsa a declaração, o declarante estará sujeito às sanções civis, administrativas e criminais previstas na legislação aplicável.

As sanções administrativas podem resultar em cancelamento do cadastro realizado com base na falsa declaração, além de multa e outras penalidades que estejam previstas.

No campo cível, a pessoa poderá ter que arcar com o ressarcimento de eventuais prejuízos e outros danos materiais causados, além de uma possível indenização por danos morais em razão da conduta enganosa.

Quanto à esfera criminal, o artigo 299 do Código Penal tipifica o crime de falsidade ideológica como a conduta de inserir em documento público ou particular declaração falsa ou diversa da que devia ser escrita, com o fim de prejudicar direito, criar obrigação ou alterar a verdade sobre fato juridicamente relevante.

A pena é de reclusão, de um a cinco anos, e multa, se o documento é público, e reclusão de um a três anos, e multa se o documento é particular, pena esta que será aumentada caso se trate de funcionário público que comete o crime prevalecendo-se do cargo, ou se a falsificação ou alteração envolver assentamento de registro civil.

É preciso, portanto, estar atento para a veracidade das informações que constarão na declaração de residência, evitando-se assim uma série de complicações que poderiam advir de uma eventual falsidade.

Feitos os esclarecimentos acima, apresentamos a seguir um modelo de declaração de residência.

DECLARAÇÃO DE RESIDÊNCIA

Eu, (nome), (nacionalidade), (estado civil), (profissão), inscrito(a) no CPF sob o nº (informar) e no RG nº (informar), declaro para os devidos fins, na forma do artigo 1º da Lei nº 7.115/1983, e sob minha responsabilidade, que tenho residência e domicílio à (Rua/Avenida/Travessa), nº (número) - (bairro), CEP (informar), na cidade de (município) - (UF).

Por ser a expressão da verdade, firmo a presente para efeitos legais e sob as penas da lei, tendo ciência de que eventual falsidade implicaria em sanções civis, administrativas e criminais, conforme artigo 299 do Código Penal.

(município) - (UF), (dia) de (mês) de (ano).

(assinatura)
(nome)

Modelo de Declaração de Residência

Modelos relacionados

Modelo de Declaração de Moradia Cedida

Declaração utilizada para informar que a pessoa reside em moradia cedida por terceiro.

Modelo de Declaração de Moradia

Declaração utilizada para comprovar o endereço da moradia onde a pessoa interessada possui residência e domicílio.

Modelo de Declaração de Endereço para o Inquilino

Declaração emitida pelo locador e utilizada para comprovar o endereço do inquilino.

Modelo de Declaração de Residência e Domicílio

Declaração utilizada para informar o local onde a pessoa estabelece residência e domicílio.

Modelo de Declaração Endereço de Correspondência

Declaração pela qual a pessoa física ou jurídica indica um endereço para recebimento de correspondência.

Modelo de Declaração de Residência Cedida

Uma declaração utilizada para comprovar que determinada pessoa possui endereço em uma residência cedida.

Modelo de Declaração de Endereço para Terceiro

Documento pelo qual outro morador da residência declara que o interessado reside no mesmo endereço.

Modelo de Declaração de Endereço

Declaração utilizada para comprovar o endereço da residência e domicílio de uma pessoa.

Modelo de Declaração de Residência para Terceiro

Documento utilizado para declarar que outra pessoa reside em determinado endereço.

Modelo de Declaração de Residência para o Filho

Declaração pelo qual um dos pais, proprietário ou possuidor do imóvel, declaram que o endereço também é a residência de seu filho.

Temas relacionados

Declarações

Residencial

Endereço

Outros modelos

Todos os modelos organizados por assunto

Ferramenta de busca


Modelo Simples

Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.

Política de Privacidade